holos@holos.pt+351 21 043 86 86

1. ENQUADRAMENTO
Esta política foi desenvolvida para definir os procedimentos da HOLOS relacionados como o reembolso de despesas. Todos os reembolsos de despesas pela Empresa devem ser compatíveis com as nossas atividades comerciais e refletir nosso compromisso de operar de maneira ética.

2. DEFINIÇÕES
“Empresa”: todas as subsidiárias e empresas afiliadas.
“Funcionário”: Para os fins desta política, estão incluidos todos os indivíduos que trabalham a todos os níveis e graus, incluindo gerentes seniores, executivos, diretores, funcionários (permanentes, de prazo fixo ou temporários), consultores, contratados, estagiários, funcionários destacados, trabalhadores domésticos, trabalhadores temporários e funcionários de agências, voluntários, estagiários, agentes, patrocinadores ou qualquer outra pessoa associada a nós, ou qualquer de nossas subsidiárias ou joint ventures ou seus funcionários, onde quer que estejam localizados.

3. ÂMBITO
Esta política aplica-se a todos os funcionários e terceiros da empresa em todos os países ou territórios e deve ser comunicada no início da relação comercial e conforme apropriado a partir de então. Esta política aplica-se a todos os funcionários que incorrerem em despesas decorrentes dos negócios da Empresa.

4. Aprovações
Um funcionário deve obter aprovação prévia de seu supervisor designado antes de incorrer numa despesa em nome da Empresa.

5. Procedimento
Um funcionário a quem seja requerido pela empresa de viajar em assuntos de negócio ou que incorra numa despesa decorrente dos negócios da Empresa, será reembolsado de acordo com as taxas e condições estabelecidas anualmente pelo governo portugês para funcionários públicos.